Granada é encontrada perto de delegacia e escola na Rocinha

Artefato abandonado não foi detonado, segundo a polícia do Rio. Ninguém ficou ferido; delegado disse que objeto seria granada de fumaça.

granada

Uma granada foi encontrada no fim da manhã desta segunda-feira (18) em frente à Escola Municipal Rinaldo de Lamare, em São Conrado, Zona Sul do Rio. O local fica perto da 11ª DP (Rocinha). De acordo com o titular da delegacia, Gabriel Ferrando, o artefato não estava com o pino detonador acionado e ninguém se feriu.

“Algumas pessoas nos acionaram e minha equipe tem treinamento para manuseio. Como o pino não estava acionado, entendemos que não foi arremessada, estava preservada. Ela foi encaminhada aqui para delegacia e o esquadrão antibombas irá recolher para perícia”, informou.

Segundo Ferrando, não houve pânico no momento em que a granada foi encontrada, por volta das 11h. Ele já pediu imagens de câmeras de segurança da região e ouviu guardas municipais que trabalhavam no local.

“Ao que tudo indica, é uma granada de fumaça, de fuligem, pelo modelo dela. Nós não descartamos nada por enquanto, nem que um criminoso tenha deixado cair. Já vimos coisas semelhantes nessa área da Rocinha”, afirmou o delegado.

Mala suspeita no Leblon
Também nesta segunda, uma mala foi abandonada na Rua General San Martin, entre as ruas Carlos Góis e Almirante Guilhem, no Leblon, Zona Sul do Rio. O Esquadrão Antibombas foi acionado e concluiu que não havia nada perigoso na bagagem.

Quarteirão foi isolado no Leblon após mala ser abandonada (Foto: André Carreira/Arquivo pessoal)

Segundo André Ferrão, inspetor da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), a análise de raio X apontou que só havia roupas na mala.

“Foi realizado todo procedimento padrão e, no raio X, descobrimos que se tratava apenas de uma mochila abandonada. Tinhas roupas, paletós velhos, mas o procedimento padrão foi realizado”, explicou o inspetor do Esquadrão Antibombas.

Apesar do alarde, o procedimento será repetido sempre que necessário, segundo o policial.

 g1.globo.com

18/07/16